Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Temas

O voto feminino

Publicado: Quinta, 11 de Outubro de 2018, 16h23 | Última atualização em Quarta, 04 de Setembro de 2019, 18h28 | Acessos: 4443

70 anos do voto feminino pelo Conselho Nacional dos Direitos da Mulher

Em 1932, o sufrágio feminino foi garantido pelo primeiro Código Eleitoral brasileiro, uma vitória da luta das mulheres que, desde a Constituinte de 1891, pleiteavam o direito ao voto. No entanto, essa conquista só seria possível após a organização de movimentos feministas no início do século XX, que empreenderam intenso movimento sufragista, influenciados, sobretudo, pela luta das mulheres nos EUA e na Europa por direitos políticos.

Os 70 anos da conquista do voto feminino, comemorado em 2002, foi tema de uma campanha do Conselho Nacional dos Direitos da Mulher, órgão governamental criado em 1985, com o objetivo de fomentar políticas públicas voltadas aos interesses específicos das mulheres, além de promover e estimular a participação dos movimentos feministas e de mulheres junto ao governo federal.

Entre as ações do Conselho, destacamos a produção de diversas propagandas na mídia, incluindo filmes para televisão, voltadas para a sensibilização da sociedade frente às suas propostas e bandeiras, para a importância da igualdade entre os sexos e do movimento feminista. As campanhas intensificaram-se em 1987 durante a mobilização das mulheres para garantir a inclusão das demandas femininas no texto constitucional de 1988 e estenderam-se pelos anos seguintes.

 A Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres (SPM), órgão ao qual o Conselho é vinculado atualmente, promoveu o recolhimento ao Arquivo Nacional em 2009. Entre o acervo recebido, os filmes produzidos pelo órgão até o ano de 2005, que foram reformatados e estão disponíveis para consulta na cinemateca do AN no Rio de Janeiro.

 

70 anos de voto feminino. Conselho Nacional dos Direitos da Mulher. 2002. BR  RJANRIO EZ.0.FIL.2.

 

Comments powered by CComment

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página